Topo
#ficadica

#ficadica

Vai viajar para o exterior? Saiba como continuar conectado no celular

Nicole D'Almeida

2007-01-20T19:04:00

07/01/2019 04h00

Mala pronta! Passagens aéreas e tickets separados! Hospedagem reservada! Está tudo pronto para a tão esperada viagem internacional! Calma, mas e o celular? Como irá usá-lo no exterior? Wi-Fi, claro! Mas e se você for a um lugar que não tem a rede sem fio e precisa de internet para resolver alguma coisa? E como fazer uma ligação em outro país?

Sim, é importante pensar em como fará uso do aparelho celular quando estiver viajando para fora, até por que se seu chip for desbloqueado, ao fazer uma ligação ou conectar as redes móveis, a tarifa paga vai lá em cima, ou seja, é bem caro.

Para não levar um susto com a sua conta de celular depois, confira algumas opções.

Plano de roaming internacional

Não é a opção mais barata, mas é a mais cômoda. Contratar um plano internacional da sua operadora fará com que você consiga navegar pela internet e fazer ligações fora da rede nacional assim que chegar no aeroporto.

Você pode escolher entre os planos roaming internacional de dados e/ou de voz. Cada operadora tem o seu serviço:

  • TIM

A TIM possui o pacote Liberty Passaport que oferece serviço de dados e de voz em todos os continentes. Pode usá-lo 24h por dia, cobre internet GPRS, EDGE, 3G e 4G, além de 50 minutos em chamadas para o Brasil e no país visitado.

A tarifa de ligação para Américas, Europa e África sai por R$29,90, para Ásia e Oceania sai por R$69,90, e Aéreo e Marítimo sai por R$89,90.

Na tarifa de dados os valores são R$29,90 para EUA, Canadá e Américas, R$39,90 para Europa e África, R$69,90 para Ásia e Oceania, e R$89,90 para Aéreo e Marítimo.

Há também as tarifas avulsas, nas quais são cobradas por minuto (ligação) e por 10Kb a internet. Elas serão cobradas caso não seja possível contratar o Liberty Passaport ou estar em um país que o pacote não cobre e fazer ligação, fazer uma chamada internacional e ultrapassar os 50 minutos do pacote. Os valores são US$2,90 para Américas e Europa, e US$4,70 para Ásia, África e Oceania.

Para utilizar o serviço: clientes Pré-Pagos, Controle e Liberty Express, e também com DDD 45 precisam solicitar a ativação do Roaming Internacional. O serviço demora cerca de 72 horas para ser ativado. Já clientes pós-pagos, o serviço é ativado automaticamente após o pagamento da primeira fatura.

  • Vivo

A Vivo oferece um único pacote de roaming internacional, a Diária Vivo Travel. Nele está incluso internet 2G, 3G e 4G (a quantidade de GB dependerá do país que estiver), 50 minutos por dia em ligações para o Brasil ou no país visitado, SMS e recebimento de ligações à vontade.

A Diária Vivo Travel é cobrada por dia e somente quando for usada. Para todos os países das Américas e Europa o valor é de R$39,99. Já para países da África, Ásia e Oceania custa R$59,99.

Para clientes pós-pago, a franquia não precisa ser contratada antes da viagem, basta usar o celular no país que estiver que ela será ativada.

  • Oi

A Oi oferece pacotes de plano de voz e/ou internet móvel para mais de 200 países. Os valores variam de continente para continente e tempo de viagem, mas começam a partir de R$ 29,90 nos Estados Unidos, e R$ 39,90 na Europa e nas Américas. Esses valores são por dia para pacote de dados e por 30 minutos para pacote de voz.

Para utilizar o serviço de roaming internacional da Oi é preciso ter um plano pós-pago. É só solicitar o desbloqueio da linha pelo atendimento. É gratuito e feito apenas uma vez.

  • Claro

A Claro possui 3 pacotes: Passaporte Américas, Passaporte Europa e Passaporte Mundo (em todos os continentes).

Os pacotes são para clientes pós-pagos e permitem a utilização do plano contratado no exterior como se estivesse no Brasil, ou seja, poderá fazer ligações ilimitadas para o Brasil ou para o país visitado, além de usufruir da sua franquia de plano de dados móveis.

Todos são de contratação anual. O Passaporte Américas sai por R$119,88 e o Passaporte Europa sai por R$239,88. Já o Passaporte Mundo custa R$359,88.

A contratação dos planos pode ser realizada pelo aplicativo, pelo telefone ou por uma loja física.

Com o Passaporte ativado, não precisa mais se preocupar com cobranças extras para usar a franquia nos países onde o plano cobre. Se acabar a franquiar é possível contratar um pacote adicional e continuar conectado.

  • Nextel

Aqui o serviço funciona como pré-pago internacional, você contrata o pacote desejado, e conforme usa o serviço (internet, ligação e SMS), os créditos são debitados do valor contratado.

A Nextel possui 3 pacotes: EUA (R$ 29,99), América (R$ 69,99) e Mundo (R$ 39,99). Caso a franquia acabe, basta entrar em contato com a Nextel (gratuito) e solicitar um novo pacote.

O serviço deve ser contratado em até 24h antes do horário da viagem. Ele será ativado quando você ainda estiver em território nacional.

Chip local

Não quer contratar o serviço de roaming? Você tem a opção de comprar um chip na cidade de destino. O chip é pré-pago e você pode recarregar a hora que quiser.

Procure por uma loja de telefonia e peça por prepaid simcard (chip pré-pago) e esteja com o passaporte em mãos, pois podem solicitar. Em alguns países é necessário ter endereço fixo também.

Dicas: o chip local só vale a pena caso a viagem for longa ou se necessita muito estar em contato com família e/ou empresa – contudo, às vezes, sai mais barato comprar um chip no país de destino do que usar o roaming de empresas brasileiras. No entanto, em viagens nas quais você vai de um país para outro também não valem a pena, afinal, o chip local pode não oferecer roaming internacional ou, se oferecer, a tarifa será alta – isso pode ser diferente para países da Europa que fazem parte da União Europeia, dependendo da operadora.

Vale lembrar também que se o seu celular não for dualchip (suporta dois chips), terá que ficar sem o chip brasileiro durante a viagem. Mesmo assim, é possível continuar usando o WhatsApp com o número brasileiro.

Caso seja dualchip, lembre-se de desligar o roaming de dados do chip brasileiro.

Chip para vários países

Vai viajar para vários países? Você pode comprar um chip internacional pela internet (como MySimTravel, EasySim4U, GoSim). Neste caso, o chip será entregue em sua casa e você já chegará ao destino conectado.

O chip funciona em diversos países e não somente naquela viagem, ou seja, nas próximas viagens ele continuará funcionando. Entretanto, se você não quer gastar muito não vale a pena, afinal, um chip desse custa entre US$ 50 e US$ 100 para um pacote mínimo de dados.

Sobre a autora

Nicole D'Almeida é jornalista, apaixonada por novas culturas, viagens, tecnologia e pelo lado bom das incertezas do mundo. Ajuda a desvendar os principais truques para a tecnologia facilitar o dia-a-dia.

Sobre o blog

Dicas para tirar mais proveito do celular, do computador, da internet. E um centavinho de reflexão sobre tendências do mundo da tecnologia. A gente deixa o nosso centavinho, e você também pode contribuir com o seu.