Topo
#ficadica

#ficadica

Chega de sofrência! Descubra que cômodo da casa tem o melhor sinal de wi-fi

Nicole D'Almeida

28/09/2018 04h00

A internet sem fio é uma das melhores tecnologias já inventadas. Afinal, poder usar o notebook, tablet ou celular em qualquer ambiente é uma mão na roda e facilita tanto a vida que chega a ser cômico pensar que um dia já precisamos de fios para acessar a rede.

Mas, sempre existem os poréns. O sinal emitido pelo roteador pode oscilar por causa de interferências (como a parede, por exemplo) e não chegar a determinados pontos da casa.

Para saber em qual cômodo o wi-fi é mais fraco e/ou mais forte use um aplicativo como o Cloudcheck, que é gratuito e está disponível tanto para Android quanto para iOS.

Confira como usá-lo no tutorial abaixo

Ao abrir o aplicativo, toque em "Start Test". Será iniciado um teste da velocidade da banda larga e do wi-fi.

Para verificar em que ponto da casa tem a melhor conexão:

1. Toque no Menu – três tracinhos no canto superior esquerdo da tela.

2. Toque em "Wi-Fi SweetSpots".

3. Para iniciar o teste, toque em "Start".

4. Para gravar algum ponto, toque em "Record".

5. Vá andando pela casa para testar a conexão de todos os cômodos. Não se esqueça de gravar os pontos desejados.

6. Toque em "Stop" para parar.

Na lista de pontos salvos tem as seguintes informações: velocidade média das conexões e intensidade do sinal.

Sobre os autores

Francisco Madureira é jornalista, mestre em Ciência da Comunicação, professor de Design Thinking e consultor em Metodologias Ágeis e Gestão de Produto. Aficionado por tecnologia desde a infância, é do tempo em que bip e palmtop eram hypes —mas nem por isso compra qualquer novidade só pelo rótulo. Adora uma boa conversa com café e sem Wi-Fi. Nicole D'Almeida é jornalista, apaixonada por novas culturas, viagens, tecnologia e pelo lado bom das incertezas do mundo. Ajuda a desvendar os principais truques para a tecnologia facilitar o dia-a-dia.

Sobre o blog

Dicas para tirar mais proveito do celular, do computador, da internet. E um centavinho de reflexão sobre tendências do mundo da tecnologia. A gente deixa o nosso centavinho, e você também pode contribuir com o seu.